in

Força, peso e aceleração gravitacional: como eles influenciam os corpos

Por que será que não saímos voando por aí? Por que não sentimos a rotação da Terra? Essas perguntas e outras relacionadas a este assunto podem ser respondidas pela existência da força peso (P) e da aceleração gravitacional (g).

A força peso é a força que existe sobre todos os corpos, sendo exercida pelo campo gravitacional da Terra, no nosso caso. É a força de atração que o centro dos planetas, estrelas e outros astros exercem sobre os corpos que estão no seu campo gravitacional.

Essa força peso existe para qualquer corpo em um campo gravitacional. Ela é o resultado da relação entre a massa de cada corpo ou objeto e a aceleração da gravidade do campo gravitacional que está inserido.

Assim a fórmula da força peso, na sua representação matemática, fica assim:

P = m . g (em módulo)

Onde,

P = Peso (N)

m = Massa (kg)

g = Aceleração da Gravidade (m²)

É importante se ressaltar que a massa de um corpo é constante, ou seja não muda. E a unidade de medida utilizada na força peso é o Newton (N) ou o Kg.m². Dessa maneira, como a aceleração gravitacional na terra é de 9,8 m², um corpo com 1 kg de massa terá 9,8 N de peso.

Aceleração da gravidade

A aceleração gravitacional é, de maneira simplista, a aceleração que um corpo de massa extremamente maior (planetas, luas, estrelas, entre outros) aplica sobre um outro corpo. Isso ocorre pelo alto valor da massa apresentada por esses astros.

No exemplo da Terra, todo corpo que entra no campo gravitacional do nosso planeta tem a sua velocidade variada por passar a sofrer a aceleração gravitacional da Terra. Isso ocorre, segundo Isaac Newton, por conta do peso do corpo estar sempre dirigido para o centro da Terra.

Isaac Newton também teorizou sobre a Lei da Gravitação Universal. Essa lei afirma que dois corpos, que possuem massa, se atraem mutuamente. E, essa força de atração é proporcional às massas dos corpos envolvidos e inversamente proporcional ao quadrado da distância que os separa:

F = G. m1.m2/d²        

Onde:

F = Força de atração

G = Constante de gravitação universal

m1 = Massa do corpo 1

m2 = Massa do corpo 2

d = Distância entre os planetas

Dicas Enem

Para você que vai prestar o Enem, fique atento a essa questão que já caiu na prova e a outro exercício sobre o assunto:

1.(ENEM) O peso de um corpo é uma grandeza física:

a) que não varia com o local onde o corpo se encontra
b) cuja unidade é medida em quilograma
c) caracterizada pela quantidade de matéria que o corpo encerra
d) que mede a intensidade da força de reação de apoio
e) cuja intensidade é o produto da massa do corpo pela aceleração da gravidade local.

Resposta: letra E. Pelo fato de a fórmula da força peso ser “P = m.g”  o seu resultado é derivado da relação entre a massa do corpo (m) e a aceleração da gravidade do local (g).

2. Qualquer lugar próximo à superfície da Terra tem aceleração gravitacional de valor muito próximo a 9,8 m/s2. Determine o valor do peso de uma pessoa cuja massa é igual a 60 kg.

a) 522 N
b) 588 N
c) 59 N
d) 60 N
e) 688 N

Resposta: Letra B.

P= m.g
P= 60 x 9,8
P= 588 N

Em suma, a força peso e a aceleração da gravidade existem em todos os campos gravitacionais do universo. E elas são as responsáveis por todos os objetos caírem no chão, como a maçã caiu na cabeça do Newton.

O que você achou?

Escrito por Redator Especialista em Física

Redator especialista em Física no Guia do Ensino.

Caso encontre um erro, violação de direitos autorais ou queira enviar um feedback/sugestão, utilize o e-mail: [email protected] para contato.

Comentários

Deixe uma resposta

Carregando...

0

Saiba tudo sobre o SI e as principais grandezas

Espaços geográficos: a relação entre campo e cidade